O BRASIL C&VB ESTABELECE PARCERIA INOVADORA COM A UFF- UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE

Nesta manhã de quarta-feira(5/10) foi assinado um amplo convênio entre o Brasil Convention & Visitors Bureau e a UFF-Universidade Federal Fluminense. O reitor da (UFF), Sidney Luiz de Mattos Mello, lamentou o hábito de muitos brasileiros que viajam para “gastar horrores” na Europa e nos Estados Unidos, deixando de lado os destinos turísticos brasileiros. Mello fez a declaração ao assinar, na manhã desta quarta-feira (05/09), com o presidente do Brasil Convention & Visitors Bureau (Brasil C&VB), Márcio Santiago de Oliveira, o convênio que permitirá a criação de cursos de MBA , Pós-Graduação, pesquisas, voltados para as finalidades dos C&VBx, na Faculdade de Turismo e Hotelaria da UFF, em Niterói.\r\nCom esse ato, a UFF se coloca na vanguarda e motivada ao apoiar uma proposta inovadora como esta do da C&VB. A nossa Faculdade de Turismo tem uma capacidade enorme de fazer acontecer. É preciso mudar a cultura e valorizar o turismo em estados belíssimos.\r\nPresidente da Federação dos CVB do Estado do Rio, Marco Navega, também presente ao evento, disse que o estado vive um bom momento no turismo após as Olimpíadas, mas defendeu a união do empresariado de toda a cadeia produtiva do turismo .\r\nO investidor não pode construir um hotel e esperar que o poder público se encarregue de levar o hóspede para lá. Todos que participam da cadeia precisam se unir, se fortalecer e buscar melhorar seu negócio através de eventos, divulgação e outras iniciativas. Esta é uma das missões dos CVB – afirmou Navega.\r\nPresidente da Neltur (a empresa de turismo de Niterói) e do Fórum estadual de Secretários de Turismo, José Haddad disse que a cidade vive um bom momento no turismo graças à parceria que fez com a capital e com a chegada de cinco novos hotéis (três em funcionamento).\r\nPela UFF também participaram dos Professores Carlos Lidizias, Eduardo Vilela e Marcelo e os Presidentes de CVBx Thais de Juiz de Fora e Vinícius de Itaboraí.\r\nPara o presidente do Brasil C&VB, que também preside o CVB de Ribeirão Preto (SP), a assinatura do convênio foi um momento histórico para o turismo brasileiro. Ele lembrou que o Brasil tem 115 C&VBx, dos quais dez no Estado do Rio. Márcio, ratifica que a estrutura federativa brasileira de C&VBx é um modelo instituído no Brasil e que está sendo seguido por outros países. Ressalta que o convênio é importantíssimo para a atuação dos C&VBx, pois foca na capacitação dos gestores, na divulgação de destinos e na captação de eventos; atração de investidores ; e, representação do setor junto ao poder público e ao setor privado– explicou Márcio Santiago de Oliveira.\r\n\r\n