BRASIL CONVENTION LEVA AO MINISTRO DAS RELAÇÕES EXTERIORES EXPECTATIVA SOBRE A LIBERAÇÃO DE VISTOS.

O XI Congresso Brasileiro de Convention Bureaux apresentou formas de desenvolvimento do turismo com os representantes dos escritórios regionais; parlamentares e lideranças destacaram a liberação de vistos e a legalização de cassinos como medidas de curto prazo.

Presidente do Brasil Convention, Marcio Santiago que realizou o congresso, encontrou-se com o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, para levar a expectativa do setor com relação à liberação dos vistos.

Durante o XI Congresso Brasileiro de Convention Bureaux, em Brasília, o presidente do Brasil Convention, querealizou o congresso,Márcio Santiago, encontrou-se com o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, para levar a expectativa do setor com relação à liberação dos vistos. A liberação de vistos para visitantes dos Estados Unidos, Austrália, Canadá e Japão, anunciada pelo governo, é uma das soluções que pode provocar um efeito de curto prazo bastante animador, concordaram lideranças, parlamentares e autoridades reunidas no congresso.

“Discutimos o turismo como importante fonte econômica para o Brasil, como acontece em vários países. A liberação dos vistos para esses primeiros países vai representar um crescimento de turistas no Brasil, visitantes que vêm passear em nosso país e acabam gastando aqui”, comentou Márcio. “Nossa expectativa é grande”. No ano passado, o Brasil recebeu seis milhões de visitantes, um número que não agrada aos que trabalham no turismo, principalmente se considerar toda a potencialidade de país.

CONGRESSO DO TURISMO REUNIU LIDERANÇAS E ESPECIALISTAS

O XI Congresso Brasileiro de Convention & Visitors Bureaux (C&VBx) também apresentou uma troca de experiências importantes de diversos escritórios de Convention Bureau.

Ascom-Brasil C&VB

Jornalista-Mirtes Wiermann